Vestidos de noiva históricos: Rainha Victoria

por em

Vestidos de noiva históricos: Rainha Victoria

Foi com esse casamento que os casamentos como os conhecemos hoje começaram: desde o vestido de noiva branco, uso de véu, dama de honra, laços no vestido, até mesmo o fato de se casar por amor começou com a Rainha Victoria. Antes dela, casamentos eram acordos políticos, as mulheres casavam com quem seus pais decidiam que deveriam casar, os vestidos de noiva da nobreza eram dourados ou prateados, e tinham como objetivo mostrar a riqueza da casa à qual a noiva pertencia. O uso de véu ou buquê também não existia, assim como as damas de honra e pajem.

Publicidade - LAMG

Já monarca e líder da Inglaterra, Victoria decidiu tudo o que se referia ao seu casamento. Começando pelo noivo. Depois dela, outras nobres copiaram a idéia e casar de branco virou a tendência da época, para quem pudesse arcar com a despesa. Sim, porque antes de haver métodos de coloração desenvolvidos, obter tecido branco e o manter nesta cor era extremamente difícil. Somente com o posterior esforço dos americanos em copiar modos de vida ingleses, o vestido de noiva branco ficou popular de vez.

Hoje em dia é difícil pensar em casamentos em outros moldes. Não que vestidos de noiva na cor branca antes não existisse, mas como dito, tecido branco era difícil de obter. Outro dado interessante é que a modelagem que usa uma saia rodada e muitos metros de tecido teria sido escolhida por Victoria para mostrar para todo o mundo o sucesso da então florescente indústria textil inglesa, que seria fruto da pioneira revolução indústrial, que se alastraria pelo mundo todo e mudaria os modos de produção no século que estaria por vir. Pensando bem, é um dos vestidos de noiva mais históricos que existe, sendo um símbolo da famosa época Victoriana que traz influências até os dias de hoje.

 

Deixa um comentário